Polícia

Morre comerciante que teve 80% do corpo queimado

O autor do crime foi preso em Nilo Peçanha

Publicado em 14/10/2011, às 07h27        Redação Bocão News

Morreu na quinta-feira (13), no Hospital Geral do Estado (HGE), o comerciante que teve 80% do corpo queimado pelo morador de rua Antônio Conceição Almeida, 47 anos. Mário Sérgio Cunha Santos, 44 anos, estava internado desde o dia 03 de outubro.
O acusado foi preso na terça-feira (11) por policiais militares do município de Nilo Peçanha, a 267 quilômetros de Salvador, onde estava escondido em casa de familiares. Os PMs localizaram Antônio após solicitação da 2ª Delegacia Territorial (DT) - Lapinha, que investigava o caso.
Em seu depoimento, Antônio disse que cometeu o crime por acreditar que Mario teria contado ao dono de um estabelecimento comercial, onde passava as noites, que ele usava drogas no local. Proibido de dormir na loja, o morador de rua, então, para se vingar, aproveitou um momento de distração da vítima para jogar gasolina e atear fogo. 

Segundo informações da 2ª Delegacia Territorial (Liberdade), há alguns anos, o morador de rua incendiou a própria casa e prendeu a mulher dentro dela, para que morresse queimada.

Classificação Indicativa: Livre