Polícia

Filha de pastor é morta em Feira de Santana

Imagem Filha de pastor é morta em Feira de Santana

Além da jovem, duas adolescentes foram baleadas quando voltavam de uma festa

Publicado em 08/06/2013, às 13h27        Redação Bocão News

A filha de um pastor evangélico foi executada na madrugada deste sábado (08) quando retornava de uma festa na localidade de Tapera no município de São Gonçalo dos Campos, a 108 quilômetros de Salvador. De acordo com informações do Acorda Cidade, Taiane Coelho Magalhães, 19 anos, morava em Feira de Santana e morreu após dar entrada na policlínica do bairro Tomba, vítima de tiros, que atingiram o tórax e as pernas.

Ainda de acordo com o site, Taiane, juntamente com as amigas R.M.S, de 14 anos, e M.L.S, de 15, foram até a localidade de Tapera participar de uma festa. No retorno, elas pegaram carona em um veículo após uma briga generalizada.

No trajeto o veículo foi abordado e as três garotas que estavam na carroceria do carro foram atingidas por disparos efetuados por alguns homens ainda não identificados. Taiane foi alvejada com mais de 10 tiros. As outras vítimas, foram socorridas para o Hospital Estadual da Criança (HEC). O estado de saúde das adolescentes não foi informado.



Para o repórter Aldo Matos, pai da jpvem, o pastor Natalício Ramos Magalhães disse que pediu para a filha não sair de casa, pois havia tido um pressentimento. “Eu como homem de Deus e como pai, pedi para que ela não saísse de casa. Eu estou no evangelho há algum tempo, tenho experiência espiritual e comunhão com Deus, que já tinha falado com meu coração, mas infelizmente a desobediência está aí”, desabafou.

O pai da jovem disse que estava em casa dormindo quando recebeu a notícia. “Recebemos um telefonema informando que ela foi alvejada juntamente com as colegas. Eu fiquei sabendo que teve uma confusão na festa e depois no retorno a Feira, elas foram seguidas e houve os disparos. Não sabemos quem fez isso, mas infelizmente a minha filha veio a óbito. Eu não sei informar os motivos da briga”.

A polícia investiga a autoria e motivação para o crime. Os autores dos disparos fugiram e estão sendo procurados.

Fotos: Acorda Cidade
publicada dia 8 de junho, às 9h51


Classificação Indicativa: 18 anos