Mundo

Político de extrema direita mata imigrante a tiros em bar na Itália

[Político de extrema direita mata imigrante a tiros em bar na Itália]
22 de Julho de 2021 às 09:20 Por: Reprodução / Arquivo pessoal Por: Redação Bnews

Um político de extrema direita da Itália foi preso nesta quarta-feira (21), após matar um imigrante marroquino de 39 anos a tiros na cidade de Oltrepadana, norte do país. Massimo Adriatici é membro do partido ultranacionalista Liga e secretário municipal de Segurança.

De acordo com informações do jornal italiano "Ansa", o político estava em um bar próximo ao centro quando recebeu um empurrão da vítima, conhecido por ser um sem-teto que pedia esmolas a clientes que estavam em bares da região.

O político se defendeu do crime afirmando que não tinha a intenção de atirar e que tudo não passou de um acidente. “Puxei o gatilho por engano, enquanto caía, depois de um empurrão, não quis”.

Moradores entrevistados pela equipe do "Ansa" classificaram Adriatici como “um xerife, que deixou de ser polícia, mas que ainda tinha como alvo o imigrante”. Ele foi inicialmente preso por homicídio doloso, mas o Ministério Público mudou a acusação para excesso de legítima defesa.

Já o marroquino morto foi descrito ao jornal “Avvenire” como uma pessoa conhecida na cidade e na polícia por “episódios de embriaguez e violência”. O marroquino, ainda de acordo com o jornal, foi transportado de ambulância para o pronto-socorro, mas morreu horas depois. 

Matérias relacionadas

Fachin considera inconstitucional decreto de posse de armas de Bolsonaro

Caso Imbuí: Defesa confirma autorização da posse da arma de advogado apontado como autor de homicídio

Polícia Federal publica norma que flexibiliza regras para porte e posse de arma de fogo

Classificação Indicativa: 10 anos


Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar