Polícia

Primo que acusa Marcell de agressão tem clavícula e costelas fraturadas: "nunca esperaria isso"

[Primo que acusa Marcell de agressão tem clavícula e costelas fraturadas: "nunca esperaria isso"]
24 de Outubro de 2019 às 19:36 Por: Arquivo pessoal Por: Redação BNews

O primo e assessor parlamentar do deputado Marcell Moraes, já teve alta médica na noite desta quinta-feira (24). Lucas Carvalho afirma que foi agredido por quatro assessores a pedido do parlamentar

Ao BNews, ele contou que teve fratura na clavícula e na costela e o prazo de recuperação é de quatro a seis semanas. Lucas explicou que vai conversar com os advogados para decidir que que delegacia vai prestar a queixa, mas que está decidido a fazer o Boletim de Ocorrência.

O assessor contou que sempre teve um relacionamento muito próximo ao deputado e que "jamais" esperou ser agredido por ele: "nunca esperaria isso". Lucas afirmou, também, que nem o deputado ou os familiares dele entraram em contato após a suposta agressão.

Lucas explicou recebeu uma mensagem do deputado, na manhã de hoje, pedindo para ele ir até o apartamento, com quem vive com a amante, em Armação. Ao chegar no local, quatro assessores do parlamentar já estariam na residência. 

Marcell teria mandado os assessores agredirem o primo por desconfiar que ele já tinha se relacionado com a sua suposta amante. Ele foi agredido no rosto e nas costelas até conseguir fugir e pedir socorro na recepção do prédio. "O deputado por ser covarde e pequeno, ele é meu primo e eu posso dizer, ele não me bateu", afirmou Lucas. 

Lucas foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para o Hospital Santa Isabel. 

A reportagem tentou contato com o deputado Marcell Moraes, mas as ligações não foram atendidas. Segundo a irmã do parlamentar, ele está medicado e, por isso, não tem atendido a imprensa

"Hoje, faz um mês que minha vó morreu. Acabou de ter o processo do TRE. Nossa família está de luto. Marcell está medicado, e, por isso, ele não está atendendo a mídia. Assim que estiver melhor, vai falar com vocês", disse, em entrevista à Rádio Metrópole nesta quinta-feira.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar