Polícia

Suspeito de matar motorista de ônibus ataca polícia, mas acaba preso

Reprodução/Polícia Civil

O motorista de ônibus tinha 50 anos e era funcionário da viação Itapemirim

Publicado em 11/01/2022, às 07h59    Reprodução/Polícia Civil    Nilson Marinho

Um suspeito de ter participado da morte de um motorista de ônibus intermunicipal foi preso pela polícia no domingo (10), após ter sido baleado durante uma troca de tiros. Edvaldo Ferreira de Souza, de 50 anos, foi morto enquanto trabalhava no último sábado (8), na BR-101, trecho da cidade de Alagoinhas.

De acordo com a Polícia Civil, policiais do 4° Batalhão da Polícia Militar (BPM/Alagoinhas) localizaram o suspeito na zona rural de Araças. Na companhia dele, estavam mais dois homens, que também estão sendo investigados por terem participado do latrocínio — roubo seguido de morte.

Os agentes chegaram até o trio depois que um denunciante afirmou que um veículo modelo Fiat Toro com restrição de roubo estaria abandonado em um povoado chamado Floresta.

motorista
Edvaldo era funcionário da Viação Itapemirim 

Troca de tiros

Ao chegar no local, os suspeitos trocaram tiros com os policias. Durante a ação, o homem preso foi baleado, mas seus comparsas conseguiram fugir. Com ele foi encontrado um revólver calibre 38.

O comandante do 4° BPM, tenente-coronel Antônio Ávila, afirma que o suspeito tem passagens por porte ilegal de arma. “O criminoso em questão foi associado à morte do motorista por conta de sua tatuagem. Foi uma das maneiras que o identificamos. Os outros chegaram a atirar, mas fugiram do local rapidamente”.

A Polícia Civil reforçou, por meio de nota, que informações sobre o paradeiro da dupla foragida devem ser enviadas através do Disque Denúncia (181) ou do 190.

Siga o BNews no Google Notícias e receba os principais destaques do dia em primeira mão.

Classificação Indicativa: Livre