Política

Silêncio de Bolsonaro sobre morte de Olimpio gera irritação na base aliada, diz coluna

Alan Santos/PR

Aliado do bolsonarismo na campanha presidencial de 2018, senador passou a ser um crítico do governo, em especial pelo afastamento da agenda de combate à corrupção

Publicado em 19/03/2021, às 16h16    Alan Santos/PR    Redação BNews

Auxiliares de Jair Bolsonaro (sem partido) e deputados que integram a base do governo federal mostraram descontentamento com o silêncio do presidente sobre a morte do senador Major Olimpio (PSL-SP). 

O parlamentar faleceu nesta quinta-feira (18), vítima da Covid-19. Aliado do bolsonarismo na campanha presidencial de 2018, ele passou a ser um crítico do governo, em especial pelo afastamento da agenda de combate à corrupção. 

De acordo com a jornalista Bela Megale, do O Globo, auxiliares e integrantes da base avaliam que, mesmo rompido com Bolsonaro, Major Olimpio merecia outro tratamento do presidente, que, até agora, não se pronunciou sobre o falecimento do senador.

Sem citar o nome do presidente, o deputado federal Capitão Augusto (PL-SP), que integra a bancada da bala e a base governista, expressou a insatisfação com a postura de Jair Bolsonaro.

“Apenas 01 político não manifestou condolências pela morte do Senador Major Olímpio, em respeito a sua história, à família e aos policiais do Brasil, aguardamos seu manifesto”, escreveu.

Classificação Indicativa: Livre