Política

Vereador Daniel Alves fala em “disputa política” após APLB-Bahia criticar volta às aulas na cidade

Arquivo BNews

Publicado em 23/04/2021, às 16h10    Arquivo BNews    Redação BNews

O vereador de Salvador Daniel Alves (PSDB) rebateu nesta sexta-feira (23) a declaração do presidente da APLB-Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia, Rui Oliveira, após anúncio do prefeito Bruno Reis (DEM) sobre a volta às aulas na cidade.

No dia 3 de maio, de maneira semipresencial, as aulas recomeçam na capital. Uma semana antes, até o dia 30 de abril, haverá um período de visitação e acolhimento, no qual os pais poderão ir às unidades e conversar com os professores. 

Na ocasião, o sindicalista disse que a categoria só vai voltar para o ensino presencial após todos os professores serem vacinados.

“É preciso parar com disputas políticas e pensar no povo. Bruno Reis, de forma consciente, deu uma data para o retorno do ensino semipresencial. Os indicadores estão diminuindo e as crianças estão sofrendo muito. Temos protocolos rígidos a serem cumpridos nas escolas e a vacinação dos professores já começou. Não podemos perder mais um ano. Está tudo sendo preparado para o retorno com segurança”, disse o vereador.

Para Daniel Alves, o presidente da ALPB-Sindicato quer “desvirtuar o assunto”. “Ele não pode mandar na categoria e nem na educação baiana. É preciso ter sensibilidade para entender o momento, e o representante da categoria dos professores não está tendo”, completou.

Classificação Indicativa: Livre