Política

Bolsonaro apoia e AGU prepara habeas corpus para proteger Pazuello na CPI da Pandemia

[Bolsonaro apoia e AGU prepara habeas corpus para proteger Pazuello na CPI da Pandemia]
11 de Maio de 2021 às 20:58 Por: Carolina Antunes/PR Por: Redação BNews

Após reunião com o ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello no domingo (9), o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) apoiou e a Advocacia-Geral da União (AGU)  e começou a preparar um habeas corpus para proteger o general na CPI da Pandemia. A intenção é que ele vá à audiência e responda somente às perguntas que desejar.

O advogado-geral da União, André Mendonça, fará uma análise do texto na quarta-feira (12) para uma decisão final. O documento deve ser enviado ao Supremo Tribunal Federal até sexta (14). 

O ex-ministro tem depoimento previsto para o dia 19 de maio. O governo temia que ele fizesse somente a sua defesa particular, esquecendo de defender administração federal. A AGU vinha resistindo ao habeas corpus, já sugerido por Pazuello. 

O ex-ministro foi chamado à CPI como testemunha, sendo obrigado a falar. Segundo a CNN, a jurisprudência no STF acredita que a convocação como testemunha é um pretexto para obrigar os investigados a depor. Esse será o principal argumento utilizado para o habeas corpus, que deve cair com o ministro Ricardo Lewandowski.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar