Política

Em novo vídeo Zé Trovão diz que obedece a ordens de Bolsonaro: “Pau vai continuar torando”

Reprodução/Twitter

Foragido, ele voltou a ressaltar que o objetivo das mobilizações é a destituição dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF)

Publicado em 09/09/2021, às 15h33    Reprodução/Twitter    Redação BNews

O caminhoneiro Marcos Antônio Pereira Gomes, mais conhecido como Zé Trovão, disse nesta quinta-feira (9) que não sabe o que vai acontecer, mas que o “pau vai continuar torando”. Foragido, ele voltou a ressaltar que o objetivo das mobilizações é a destituição dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). Também nesta terça o bolsonarista apareceu em outro vídeo afirmando que foi localizado pela embaixada brasileira no México e irá se entregar.

“A nossa pauta é impeachment dos ministros. Se vira. Não sei o que vai ter que acontecer, mas o pau vai continuar torando”, afirmou o caminhoneiro em um novo vídeo divulgado nas redes sociais.

Matérias relacionadas:

Em vídeo, vice-governador João Leão rechaça paralisação de caminhoneiros

Caminhoneiros liberam rodovia em Eunápolis, mas negociações seguem em 4 rodovias da Bahia

Zé Trovão pediu para que caminhoneiros que aderiram à paralisação não “arredem o pé” e reclamou da ação policial. Em outro recho do vídeo ele garante que não defende o presidente, mas logo em seguida, cometeu um ato falho e afirmou que os caminhoneiros foram às ruas por esse motivo.

“Ninguém foi às ruas para defender o presidente Bolsonaro, fomos para defender nossa bandeira verde e amarela. Fomos às ruas defender nosso presiden… Nossa bandeira. Nosso presidente, a gente respeita, mas presta atenção: ‘não vamos cumprir ordem que não seja do presidente da República’”.

Leia também:

Vídeo: Bolsonaristas vibram e se emocionam com estado de sítio que não aconteceu

Bolsonaro já soma mais pedidos de impeachment que Lula, Dilma e Temer juntos

Classificação Indicativa: Livre