Política

Geraldo Júnior sobre sucessor na presidência da Câmara: “estará no projeto que eu esteja”

Arquivo / BNews

Publicado em 27/09/2021, às 19h47    Arquivo / BNews    Pedro Vilas Boas e Victor Pinto

Apesar de faltar mais de um ano para a eleição de presidente da Câmara de Salvador, o atual chefe do poder, Geraldo Júnior (MDB), afirmou ao BNews que o futuro sucessor deve constar no mesmo projeto político que ele. O emedebista deixou claro que não fez compromisso com nenhum nome. 

“Não estabeleci compromisso com nenhum partido e nenhum vereador. Aprovamos um projeto importante hoje e tivemos votos de oposição e situação. Na sucessão, tem aproximadamente nove nomes que já expressaram o desejo, mas cada um estabelece suas articulações. Contudo, posso dizer com sinceridade que são necessário três atributos: lealdade, amizade e está no projeto político que eu esteja”, disse em Camaçari na noite desta segunda-feira (27). 

Leia também:Geraldo Jr. apoia prefeitos de Itapetinga e Vera Cruz na chapa de Neto e rechaça espaço a Colbert 

Ao colocar essas três características, Geraldo deixa claro que vai buscar fazer um sucessor extremamente alinhado com suas ideias e sua articulação política. O vereador é pré-candidato a deputado federal no pleito do próximo ano e, apesar da sua perspectiva de vitória quando o nome for posto na eleição, acompanhará de perto o movimento. 

Questionado sobre as conversas do MDB com a base de Jaques Wagner (PT), Geraldo confirmou o diálogo da Executiva do partido com várias frentes, mas defendeu a continuidade do alinhamento com ACM Neto (DEM). 

“Muito cedo para fazer avaliação de 2022. Já falei reiterada vezes que meu desejo pessoal, como vereador da cidade, é seguir do lado de ACM Neto. Eu sou um homem de grupo político. O partido, na Executiva Estadual, tem estabelecido diálogo. Vou trilhar todos os caminhos para que o MDB possa ficar com ACM Neto”, reiterou. 

Um dos caciques do grupo, o ex-deputado federal Lúcio Vieira Lima, como já declarado ao BNews Agora na Piatã FM, reiterou que não tem martelo batido de apoio a nenhum dos nomes postos na corrida pelo Palácio de Ondina. 

Leia também:

Tinoco defende que incentivos fiscais sejam efetivadas para o setor de turismo de Salvador

Vereadora critica 'desrespeito' a fala de mulheres na Câmara Municipal; edil rebate

Classificação Indicativa: Livre