Política

PP não deixará barato o fato de Bolsonaro preferir PL

Divulgação/PL

Publicado em 12/11/2021, às 09h44    Divulgação/PL    Redação BNews

A cúpula do Progressistas não deixará barato o fato de o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) ter optado por se filiar ao PL de Valdemar Costa Neto. No próximo dia 19, Bolsonaro fará dois anos sem partido, desde que pediu desfiliação do PSL.

De acordo com a coluna do Igor Gadelha, do Metrópoles, nos bastidores, dirigentes do PP prometem cobrar de Bolsonaro mais espaço para a legenda no governo, logo após o presidente da República assinar a ficha de filiação, o que deve acontecer no dia 22 de novembro. 

O PP mira o comando de ministérios que tocam obras com potencial eleitoral. Entre eles, caciques da sigla citam as pastas do Desenvolvimento Regional e da Infraestrutura. Hoje, esses dois ministérios são chefiados pelos ministros Rogério Marinho e Tarcísio Gomes de Freitas.

Matérias relacionadas:

Deputados do PL ameaçam debandada caso Bolsonaro se filie

Filiação de Bolsonaro ao PL movimenta tabuleiro político na Bahia e em Salvador

Bolsonaro no PL cria atritos no Nordeste e impulsiona candidatos no Sul

Acompanhe o BNews também nas redes sociais, através do Instagram, do Facebook e do Twitter

Classificação Indicativa: Livre