Política

Coronel volta atrás e desiste do feriado nacional da Santa Dulce dos Pobres

Jefferson Rudy/Agência Senado

Publicado em 24/11/2021, às 08h06    Jefferson Rudy/Agência Senado    Redação BNewsv

Mesmo após a aprovação no Senado, o senador Angelo Coronel (PSD) desistiu de implantar o feriado nacional da Santa Dulce dos Pobres e agora pretende alterar o texto proposto por ele.

A ideia é que a homenagem se torne apenas um dia nacional, mas sem decretar um novo feriado, que traz um grande impacto econômico para todo o país. Há também uma mudança na data, que agora seria 13 de agosto, data utilizada tradicionalmente na Bahia para celebrar Irmã Dulce.

Atualmente, os feriados nacionais de origem católica no Brasil são cinco: Paixão de Cristo, Corpus Christi, Nossa Senhora Aparecida, Dia de Finados e Natal. A Bahia ainda conta com o feriado de Nossa Senhora da Conceição, padroeira do estado.

O texto alterado será agora analisado pela Câmara dos Deputados.

"Irmã Dulce construiu o que se tornaria depois o maior hospital da Bahia, a partir de um galinheiro. E em 1959 foi criada a Associação Obras Sociais Irmã Dulce (OSID), seguida pelo Albergue Santo Antônio. Ela foi o anjo bom da Bahia, admirada nacional e mundialmente porque viveu única e exclusivamente para ajudar os mais pobres", defende Coronel ao justificar o projeto.

Classificação Indicativa: Livre