Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Eleições

Saída de Benito Gama foi condição para Cezar Leite aceitar apoio do PTB

[Saída de Benito Gama foi condição para Cezar Leite aceitar apoio do PTB]
18 de Setembro de 2020 às 20:18 Por: Henrique Brinco

Os bastidores da política baiana estão movimentados na noite desta sexta-feira (18). Agora, circula a informação de que o candidato bolsonarista Cezar Leite (PRTB) deve assumir o comando do PTB na Bahia. A saída de Benito Gama da presidência do partido seria a condição imposta para a coligação entre as duas siglas em Salvador.

Os rumores da coligação entre as duas siglas começaram a circular desde o final de agosto. Na ocasião, o diretório municial do PRTB negou ao BNews qualquer possibilidade de coligação sob a justificativa de que o PTB é um "satélite do DEM" e que era comandado por "lideranças que não coadunam" com as ideias da direita.

Durante a tarde, o PTB nacional anunciou a dissolução do diretório estadual na Bahia. A decisão foi determinada pelo presidente nacional, Roberto Jefferson, que é aliado do presidente Jair Bolsonaro. De acordo com comunicado divulgado no site oficial da legenda, o mesmo passa agora a configurar como Comissão Provisória, ainda a ser nomeada. 

Procurado pelo BNews, Benito afirmou que por enquanto ainda continua como presidente do partido. Questionado sobre a possibilidade de Cezar assumir o comando do partido na Bahia, ele diz que desconhece a informação.

"Quando saiu um boato sobre isso, ele disse que não queria o apoio do PTB e de Roberto Jefferson. O que eu sei é isso", declarou.

Leia tambémRoberto Jefferson manda dissolver diretório do PTB na Bahia após declarar guerra contra ACM Neto e DEM

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso