Política

Rui diz que barragem rompida era pequena: "O que houve foi perda material"

[Rui diz que barragem rompida era pequena:
12 de Julho de 2019 às 16:03 Por: BNews Por: Eliezer Santos* e Henrique Brinco 0comentários

O governador Rui Costa (PT) minimizou o impacto do rompimento da barragem de Quati, localizada no município de Pedro Alexandre (BA), que inundou o município de Coronel João Sá (BA). "A imprensa está tratando de barragem, mas aquilo é uma barragem de armazenamento muito pequena", declarou, em entrevista coletiva na tarde desta sexta-feira (12), durante inauguração de uma Policlínica Regional de Saúde em Paulo Afonso, no norte do estado. O BNews cobriu o evento.

Leia também:
Após divergir de município e órgãos federais, governo do Estado admite rompimento em barragem

Segundo Rui, mesmo com a barragem sendo pequena, o governo teve "o cuidado redobrado de ter o acompanhamento técnico e reforços". Ele anunciou a construção de uma nova barragem no local. "Me comprometi com o prefeito de Pedro Alexandre que nós vamos fazer uma barragem adequada, com a proteção adequada, para que a população possa sobreviver", sinalizou, afirmando que também prestará apoio ao prefeito de Coronel João Sá para sanar os danos na região.

Efeito cascata
Segundo Rui, houve um "efeito cascata" quando a barragem de Quati se rompeu. Ele explica que pequenos produtores ribeirinhos também faziam pequenas barragens para armazenar água e que, com o rompimento da barragem maior, o fluxo de água aumentou ocasionando no inundamento da região.

"Recebi imagens já feitas por nossa equipe no local. Nós temos em regiões de semiárido, como é essa região, que chove no máximo 700mm por ano. E para reservar água para os animais todo mundo acaba fazendo um pequeno ou médio barramento. O pequeno agricultor, quando passa um córrego, vai reservando um pouquinho de água para o período de chuva", destaca. "Então, o problema ali não foi somente da pequena barragem que rompeu", completa.

Rui ainda agradeceu ao Governo Federal pelo apoio, citando o Ministro do Desenvolvimento Regional do Brasil, Gustavo Canuto. E também minimizou os danos do acidente: "Agradeço a Deus por não ter nenhuma vítima. O que houve foi perda material", avaliou, afirmando que o Governo do Estado está oferecendo todo o aparato de estrutura e suprimentos para as famílias desabrigadas.

*O repórter viajou para Paulo Afonso a convite do Governo do Estado 
 

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Leia os termos de uso

jusnews

Na Sombra do Poder

Eduardo Entrevista

Mais Lidas