Famosos

Amigo de MC Kevin se escondeu atrás de cortina minutos antes de funkeiro cair da varanda de hotel

[Amigo de MC Kevin se escondeu atrás de cortina minutos antes de funkeiro cair da varanda de hotel]
19 de Maio de 2021 às 06:34 Por: Reprodução/Instagram @mckevin Por: Redação BNews

O amigo de MC Kevin, Jhonatas Augusto Cruz, 26 anos, em depoimento à polícia, no âmbito das investigações que apuram a morte do funkeiro, deu detalhes sobre os momentos que antecederam a queda do artista do quinto andar de um hotel do Rio de Janeiro.

Na delegacia, ele confirmou fatos já narrados por outro amigo de Kevin e pela modelo Bianca Dominguez, que também estavam com o funkeiro na suíte 502, de que ela teria ido ao quarto do hotel para fazer sexo com os dois. Jhonatas contou aos policiais que, embora não tivesse sido inserido no acordo inicial, resolveu ir também ao local, o que não aconteceu.

Era para Jhonatas ter deixado o quarto, mas ele decidiu se esconder no banheiro, com o intuito de aguardar o melhor momento para tentar participar. No entanto, Bianca percebeu a presença dele e se negou a fazer qualquer coisa com os demais, caso ele ainda estivesse no quarto.

De acordo com outros depoimentos, Kevin já demonstrava, enquanto o amigo escondia-se em dois diferentes locais dentro do quarto, o receio de ser flagrado pela esposa, a advogada Deolane Bezerra, que estava hospedada na suíte 1302 do mesmo hotel. Segundo essa versão, foi esse medo que fez o funkeiro tentar saltar para o apartamento de baixo e acabar caindo próximo à piscina.

Jhonatas contou, ainda, que após deixar a suíte 502, se dirigiu a um quiosque na praia, quando, minutos depois, teria ouvido Victor Elias gritar por socorro. "O Kevin tentou ir para o apartamento de baixo e se jogou", teria completado Victor. O amigo disse também que retornou imediatamente para o hotel e encontrou o funkeiro "caído no chão próximo à piscina, respirando com dificuldade".

No depoimento à polícia, Jhonatas ainda narrou ainda que ele, Kevin, Victor e mais três amigos passaram a tarde no quiosque à beira-mar do hotel. No local, de acordo com ele, o grupo bebeu "diversos drinks" e fumou "alguns baseados" trazidos de São Paulo. O próprio rapaz confirmou que "estava muito bêbado" e que "não se lembra de tudo o que aconteceu".

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar