Política

"Vacinação vai começar simultaneamente nas capitais", revela secretário do Ministério da Saúde

["Vacinação vai começar simultaneamente nas capitais", revela secretário do Ministério da Saúde]
14 de Janeiro de 2021 às 08:48 Por: Reprodução/Divulgação Por: Redação BNews

Durante coletiva realizada na última quarta-feira, 13, o secretário-executivo do Ministério da Saúde, Élcio Franco, afirmou que planeja iniciar a vacinação contra a Covid-19 de forma simultânea em todas as 27 capitais do país, de 3 a 5 dias após a aprovação pela Anvisa.

“Eu não posso esperar chegar a 5 mil municípios, 38 mil salas de vacinação, para então startar a vacinação. Então, vai começar quando chegar nas capitais. É essa a ideia”, afirmou Franco, em entrevista à imprensa.

O plano contraria João Doria, que quer começar o processo de vacinação em em São Paulo no próximo dia 25, utilizando as 6 milhões de doses da Coronavac adquiridas pelo estado e que estão armazenadas no Instituto Butantan, imediatamente após o aval da Anvisa. A Fiocruz, no Rio de Janeiro, receberá no próximo sábado, 16, 2 milhões de doses da vacina de Oxford, importadas da Índia.

Questionado se decisão provocaria uma perda para os estado, Élcio Franco declarou que ato não provocará um perde para o RJ e SP, mas um ganho para o páis.

“o Brasil é que está ganhando”“Temos um mote de que ninguém ficará para trás. No SUS, há o princípio da equidade e o da universalidade, de atender a todos”, ressaltou Élcio.

A diretoria da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) deverá se reunir no próximo domingo, 17, para decidir se irá autoriza o uso emergencial da vacina contra o novo coronavírus. A vacinação será destinada, neste primeiro momento, aos profissionais de saúde e idosos.

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar