Salvador

Justiça determina manutenção de 50% da frota de ônibus durante greve dos rodoviários em Salvador

Arquivo / BNews

A decisão é do desembargador Renato Mário Borges Simões, do TRT-5

Publicado em 22/05/2018, às 12h16    Arquivo / BNews    Redação BNews

Nesta terça-feira (22), a Justiça do Trabalho determinou que o Sindicato dos Rodoviários de Salvador mantenha 50% da frota nas ruas no horário das 05h às 08h e das 17h às 20h, e 30% nos demais horários, sob pena multa diária no valor de R$10.000. A decisão é do desembargador Renato Mário Borges Simões, do Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região (TRT-5) na Bahia, e acontece após o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Salvador (Setps) acionar a Justiça.

Ainda de acordo com a liminar, o Sindicato dos Rodoviários deve se “abster de agir de forma a impedir, dificultar ou atrasar o cumprimento dos horários das linhas”. O desembargador determinou ainda que cabe ao Setps prova de eventual descumprimento da ordem judicial, comunicando o fato ao juízo, para que eventuais medidas sejam tomadas, garantindo-se a efetividade da medida.

Matérias relacionadas: 

Empresários apresentam proposta de reajuste de 1,69% a rodoviários, diz Fábio Mota

Catraca livre: ônibus podem circular de graça durante greve a partir desta quarta (23)


Classificação Indicativa: Livre