Saúde

Estudo mostra como o excesso de álcool pode causar doenças graves; saiba detalhes

Arquivo/Agência Brasil
Beber mais de quatro long necks por dia pode causar até 61 tipos de doenças diferentes  |   Bnews - Divulgação Arquivo/Agência Brasil
Marcelo Ramos

por Marcelo Ramos

[email protected]

Publicado em 21/05/2024, às 09h17



Um levantamento divulgado na Inglaterra revelou que o limite semanal de consumo de álcool por pessoa seria equivalente a 3,7 long necks por dia. De acordo com estudo da revista científica The Lancet envolvendo mais de 600 mil participantes, quem bebia o dobro deste recomendado tinha uma expectativa de vida seis meses menor.

Especialista em estatística, David Spielgelhalter, da Universidade de Cambridge, explicou que isso é um bom exemplo para se compreender o impacto do hábito.

“É claro que qualquer efeito do álcool adicional irá variar enormemente entre as pessoas, mas isto dá uma ideia da magnitude do compromisso”, explica, em entrevista ao DailyMail.

Álcool é associado à diversas doenças

De acordo com o G1, um estudo realizado por pesquisadores da Universidade de Oxford, no Reino Unido, e da Universidade Pequim, na China, analisou dados de um grupo de pessoas e identificou o consumo de bebidas alcoólicas pode acarretar até 61 doenças.

Foram investigados registros hospitalares e relatos de consumo de bebida alcoólica fornecidos ao longo de 12 anos. Além disso, foi realizada uma análise genética para identificar se o surgimento de determinada doença era de fato ligado ou não ao álcool.

Confira a lista:

  • Tuberculose
  • Câncer de laringe
  • Câncer de esôfago
  • Câncer de fígado
  • Neoplasia incerta
  • Câncer de cólon (intestino)
  • Câncer de pulmão
  • Câncer retal
  • Neoplasia maligna, sem especificação de localização
  • Câncer de lábio, cavidade oral e faringe
  • Câncer de estômago
  • Anemias
  • Púrpura e outras condições hemorrágicas
  • Diabetes
  • Outros distúrbios metabólicos
  • Epilepsia
  • Ataques isquêmicos cerebrais transitórios
  • Catarata
  • Flebite e tromboflebite
  • Cardiomiopatia
  • Hemorragia intracerebral
  • Sequelas de doença cerebrovascular
  • Doença cardíaca hipertensiva
  • Hipertensão essencial (primária)
  • Infarto cerebral
  • Complicações da doença cardíaca
  • Acidente Vascular Cerebral (AVC)
  • Oclusão e estenose das artérias cerebrais
  • Oclusão e estenose das artérias pré-cerebrais
  • Outras doenças cerebrovasculares
  • Doença cardíaca isquêmica crônica
  • Doenças circulatórias menos comuns combinadas
  • Bronquite crônica não especificada
  • Doença pulmonar obstrutiva crônica
  • Pneumonia
  • Doença hepática alcoólica
  • Fibrose e cirrose do fígado
  • Outras doenças inflamatórias do fígado
  • Abscesso das regiões anal e retal
  • Doença do refluxo gastroesofágico
  • Úlcera gástrica
  • Outras doenças do aparelho digestivo
  • Outras doenças do fígado
  • Pancreatite
  • Outras infecções locais (pele/tecido subcutâneo)
  • Osteonecrose
  • Gota
  • Artrose
  • Resultados anormais de estudos de função
  • Mal-estar e cansaço
  • Fratura de ombro e braço
  • Fratura de fêmur
  • Fratura de costela(s)/esterno/coluna torácica
  • Lesões menos comuns, envenenamento e outras causas externas combinadas
  • Autoagressão intencional
  • Cataratas
  • Acidentes de transporte
  • Condições psiquiátricas e comportamentais menos comuns combinadas
  • Outras causas de mortalidade mal definidas/não especificadas
  • Causas de morbidade desconhecidas/não especificadas

Classificação Indicativa: Livre

FacebookTwitterWhatsApp