BNews Turismo

Empresa retoma voos exclusivos entre Brasil e Cancún; saiba detalhes

Reprodução/freepik
A iniciativa permitirá ligações das principais cidades brasileiras com o Caribe Mexicano.  |   Bnews - Divulgação Reprodução/freepik

Publicado em 24/06/2024, às 11h23   Vitória Oliveira



A Gol Linhas Aéreas anunciou a retomada dos voos para Cancún, um dos destinos internacionais preferidos dos brasileiros. A partir do dia 10 de dezembro de 2024, serão duas frequências semanais, de ida e volta, sem escalas, entre o Brasil e o paraíso mexicano. As viagens serão realizadas com frota própria, saindo do Aeroporto Internacional de Brasília (DF). A novidade tem como objetivo integrar e fortalecer o turismo nas Américas.

As únicas ligações diretas entre o Brasil e Cancún serão entre o Aeroporto Internacional de Brasília (BSB) e o Aeroporto Internacional de Cancún (CUN). A partir de Brasília, às terças-feiras, o voo G3 7724 decolará às 11h30 (horário de Brasília), com aterrissagem prevista para as 17h35 (horário local) na cidade mexicana. Cancún está duas horas atrás de Brasília. Já aos sábados, o mesmo G3 7724 sairá de Brasília às 11h55, pousando em Cancún às 18h00. A volta a partir de Cancún acontecerá nos mesmos dias da semana. Às terças-feiras, o voo G3 7725 deixará Cancún às 20h40 (horário local) e chegará em Brasília às 6h35. Aos sábados, o G3 7725 partirá às 19h30 do Caribe e pousará no Distrito Federal às 5h35.

A iniciativa permitirá conexões das principais cidades brasileiras com o Caribe Mexicano, com apenas uma parada na capital federal. Os aeroportos de São Paulo/Congonhas (CGH) e Rio de Janeiro/Santos Dumont (SDU) terão um serviço exclusivo. Os paulistas e cariocas terão a oportunidade de fazer uma viagem internacional no mesmo dia, saindo de dois aeroportos domésticos e conectando com a Gol em Brasília.

De acordo com o diretor de Planejamento de Malha Aérea da Gol, Rafael Araújo, a retomada das operações representa um grande marco para os brasileiros, pois além de fomentar o turismo e a economia do país, os voos diretos para Cancún proporcionarão conforto e comodidade para os usuários.

“A viabilização das operações para Cancún, um dos maiores destinos turísticos do mundo e hoje não atendido com voos diretos a partir do Brasil, representa um imenso ganho para os brasileiros, mexicanos e demais viajantes a lazer de toda a América do Sul. O objetivo da Gol é aproximar cada vez mais nossos povos e contribuir para o desenvolvimento do turismo em toda a região”, disse Rafael Araújo.

Os voos entre Brasília e Cancún serão operados com os modelos Boeing 737 MAX 8, com capacidade para 176 passageiros, possuindo configuração internacional e sendo as aeronaves mais sustentáveis da Gol.

Classificação Indicativa: Livre

FacebookTwitterWhatsApp