BNews Turismo

Férias escolares de julho fomentam o crescimento do Turismo no Brasil

Divulgação / Viviflorencio - Pixabay

Brasileiros não vão deixar de viajar no mês de julho mesmo com alta no preço das passagens aéreas e combústivel

Publicado em 01/07/2022, às 17h32    Divulgação / Viviflorencio - Pixabay    Redação BNews

Com a chegada do inverno e do mês de julho, muitas famílias decidem viajar para visitar parentes distantes ou simplesmente curtir um passeio pelos destinos turísticos. Espera-se que as férias escolares sejam mais movimentadas do que nos anos anteriores, à medida que a vacinação contra a Covid-19 avança em todo o Brasil. No entanto, alguns fatores podem dificultar o desenvolvimento do turismo no país, como os altos preços dos combustíveis e das passagens aéreas.

Mesmo com os preços das passagens aéreas subindo, a indústria do turismo no Brasil volta a crescer e atinge o mesmo patamar do início da pandemia em 2020. Os preços médios dos bilhetes aumentaram 123,26% em 12 meses, de acordo com a prévia do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA-15) divulgado em junho pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

No entanto, outro dado mostrou que a indústria do turismo nacional cresceu 47,7% em abril em relação ao mesmo período do ano passado. A receita total do período foi de R$ 15,3 bi. Magda Nassar, presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV), explicou que devido à alta demanda por viagens, o setor segue crescendo após uma pandemia prolongada, apesar de todas as dificuldades.

"O desejo do brasileiro de viajar faz com que ele procure alternativas aos empecilhos que fazem parte da economia do país, e não só do setor de viagens. Nos últimos anos, viemos de uma pandemia que estava impossibilitando muitas pessoas de viajarem. Julho é um período de férias e os brasileiros estão com um desejo muito grande de viajar. Vemos voos, tanto internacionais, quanto nacionais lotados e as procuras estão bem alta", analisa a presidente.

Magda ressaltou que o crescimento também deve continuar no segundo semestre do ano, pois esse período historicamente tem sido mais intenso para as agências de viagens do que a primeira metade do ano.

Durante as férias de julho, os brasileiros escolhem destinos mais frios para aproveitar as baixas temperaturas do inverno, segundo a Booking.com. A plataforma apurou que Campos do Jordão (SP) na Serra da Mantiqueira foi o destino mais procurado no estudo. Este lugar é famoso por ser a cidade mais alta do Brasil a 1.620 metros acima do nível do mar.

Em segundo lugar, aparece Gramado (RS), na Serra Gaúcha, que, assim como a cidade paulista, é considerada um dos roteiros preferidos dos casais. No Centro-Oeste, a melhor colocada no ranking, que aparece na sétima colocação nacional, é Caldas Novas (GO), localizada no sudoeste goiano.

Siga o TikTok do BNews e fique por dentro das novidades.

Classificação Indicativa: Livre