Coronavírus

Desesperado, Eures apela a Rui Costa ajuda para suspender chegada de ônibus do sudeste 

Arquivo / BNews

Bom Jesus da Lapa não tem nenhum caso confirmado de Coronavirus no Estado

Publicado em 21/03/2020, às 15h35    Arquivo / BNews    Victor Pinto

O prefeito de Bom Jesus da Lapa e presidente da União dos Municípios da Bahia (UPB), Eures Ribeiro (PSD), demonstrou desespero ao relatar a quantidade de ônibus vindos do sudeste do País nos diversos municípios baianos. O pessedista enviou mensagem ao governador Rui Costa (PT) e vai protocolar um ofício com pedidos de providência frente a situação. 

“Eu, como prefeito, eu temo o pior. Muita gente chegando de ônibus clandestino, sem nenhum controle, estão chegando do sudeste, onde a transmissão voluntária do coronavírus já está desenfreada. Só aqui na Lapa chegaram 10 ônibus de lá. Outros prefeitos me disseram que está acontecendo o mesmo. O povo quer visitar parente. Ao invés de cumprir a quarentena, pra preservar, sai pra viajar”, desbafou ao BNews neste sábado (21). “Tem que barrar o acesso”, completou. 

Bom Jesus da Lapa não tem nenhum caso confirmado de Coronavirus no Estado, mas, diante da propagação rápida do vírus, o chefe do Executivo pede medidas céleres para preservar a população. Segundo o político, os lapenses tem se preservado “na medida possível”.

Lapa, distante 796 quilômetros de Salvador, é o município mais forte, depois da capital do Estado, do turismo religioso.  O prefeito informou que nessa área já houve um comprometimento da Igreja Católica e as romarias e missas estão suspensas até segunda ordem. 

Até a publicação da matéria, o governo não havia emitido resposta sobre o caso. 

BARREIRAS - O Estado tem adotado medidas para proibir a circulação de ônibus e vans, principalmente, nos municípios com casos confirmados de COVID-19. Também tem buscado, nas barreiras com agentes, medir temperaturas dos passageiros para identificar pessoas com sintomas primários do coronavírus. 

As fronteiras da Bahia com outros Estados não estão fechadas e o assunto é alvo de polêmica com o governo do presidente Jair Bolsonaro. O governo federal é contra a medida e tem buscado restringir esse tipo de atitude por parte dos governadores. 

Classificação Indicativa: Livre