Coronavírus

Médicos de conselho do Ministério da Saúde ameaçam renúncia caso Queiroga não recue

Agência Brasil

Possibilidade foi cogitada durante reunião virtual

Publicado em 18/09/2021, às 09h29    Agência Brasil    Redação BNews

Médicos que compõem a Câmara Técnica Assessora de Imunização Covid-19, instância de aconselhamento do Ministério da Saúde, ameaçaram renúncia coletiva caso a pasta não recue da decisão de suspender a vacinação de adolescentes de 12 a 17 anos. 

De acordo com o Jornal O Globo, a possibilidade foi cogitada durante reunião virtual, na tarde desta sexta-feira (17). Especialistas e membros de sociedades e conselhos de medicina, além de representantes das secretarias estaduais e municipais de saúde que compõem a Câmara rechaçaram de forma unânime a decisão do ministro de suspender a imunização.

Alguns presentes na reunião exigiram que o governo elabore uma nova nota técnica esclarecendo que a equipe de especialistas não foi consultada e que discorda da decisão. Também foi solicitado que a pasta defina um calendário para a retomada da vacinação deste grupo etário.

Acompanhe o BNews também nas redes sociais, através do Instagram, do Facebook e do Twitter

Classificação Indicativa: Livre