Coronavírus

Covid: Salvador está com 65% dos leitos de UTI ocupados; enfermaria atinge a taxa de 87%

Hélia Scheppa/SEI

Na UTI pediátrica a taxa é de 60%

Publicado em 17/01/2022, às 18h57    Hélia Scheppa/SEI    Redação BNews

Salvador está com 65% dos leitos de UTI adulto ocupados nesta segunda-feira (17), segundo informações da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab). Na UTI pediátrica a taxa é de 60%. Ainda de acordo com a pasta, nas enfermarias pediátrica e adulto as taxas de ocupação são de 87% e 72%, respectivamente.

Salvador registrou 384 novos casos de Covid nas últimas 24 horas, segundo informações da Central Integrada de Comando e Controle da Saúde desta segunda-feira (17). Nenhum óbito foi contabilizado.

A capital baiana já registrou 8.119 óbitos por coronavírus desde o início da pandemia.

Casos ativos

Bahia registrou, nesta segunda-feira (17). 9.479 casos ativos de Covid-19. A última vez que o estado teve um número de ativos maior ao desta segunda-feira foi no dia 16 de julho de 2021, quando foram registrados 10.054 ocorrências. O boletim epidemiológico aponta ainda que, nas últimas 24 horas, foram computados 1.795 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,14%), 1.361 recuperados (+0,11%) e 10 óbitos.

Leia também:

Bolsonaro faz videochamada com donos de pousada interditada após não se vacinarem contra Covid-19; veja vídeo

Maioria acha que Bolsonaro atrapalha vacinação de crianças, mostra Datafolha

Dos 1.290.351 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.253.200 já são considerados recuperados e 27.672 tiveram óbito confirmado.

Os dados ainda podem sofrer alterações devido à instabilidade do sistema do Ministério da Saúde. A base ministerial tem, eventualmente, disponibilizado informações inconsistentes ou incompletas.

O boletim epidemiológico contabiliza, ainda, 1.713.780 casos descartados e 278.799 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até às 17 horas desta segunda.

Classificação Indicativa: Livre