Coronavírus

São Paulo pode alcançar esta semana a estabilidade de infecções pela Ômicron esta semana

Myke Sena/MS

A média móvel de infecções pelo vírus chegou a aproximadamente 68 mil,

Publicado em 17/01/2022, às 15h04    Myke Sena/MS    Redação Bnews

A cidade de São Paulo pode atingir o pico de contaminações da nova variante do coronavírus, a Ômicron, e chegar a estabilidade de infecções. De acordo com o secretário municipal de Saúde, Edson Aparecido, que avaliou uma queda da média móvel de casos na capital paulista durante o final de semana.

No sábado (15), a média móvel de infecções pelo vírus chegou a aproximadamente 68 mil, cerca de 128% maior do que o registrado uma semana antes.

Na capital paulistana há falta de testes na rede básica de saúde.

O secretário, no entanto, afirmou que não há sobrecarga nas Unidades de Terapia Intensiva (UTIs), mas sim uma falta de atendimento de serviços de pacientes com sintomas leves.

Uma estratégia para evitar o desabastecimento, os testes na capital serão dedicados a pessoas com, no mínimo, dois sintomas de Covid-19, situação de idosos, puérperas, pré-operatório cirúrgico, e pessoas em situação de rua. São Paulo tem estoque para esse público por mais de 20 dias.

Leia mais: 

Vídeo: Homem assalta pet shop em área nobre de Salvador

Familiares e amigos de jovem morto após ataque com ácido fazem protesto em Salvador e cobram celeridade da polícia

BBB 22: Relembre alguns áudios vazados de Boninho nas redes sociais

Siga o BNews no Google Notícias e receba as principais notícias do dia em primeira mão.

Classificação Indicativa: Livre