Eleições / Eleições 2022

PT se assusta com crescimento de Bolsonaro e decide antecipar campanha de Lula; entenda

Foto: Ricardo Stuckert

Lula deve lançar candidatura em Abril ao lado de Geraldo Alckmin, seu vice, e iniciar campanha

Publicado em 13/03/2022, às 09h47    Foto: Ricardo Stuckert    Redação BNews

O presidente Jair Bolsonaro (PL) teve um crescimento nas últimas pesquisas de intenção de voto para as próximas eleições e, por conta disso, o PT decidiu antecipar a campanha do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que tenta voltar à presidência após 12 anos. A formalização da candidatura de Lula deve ser antecipada para o início de Abril, em evento agendado para acontecer em São Paulo ao lado de seu candidato a vice, Geraldo Alckmin (sem partido).

A ideia é que o evento aconteça junto ao fechamento da janela partidária, que encerra no dia 1° de abril. Dessa maneira, o anúncio acontece com todas as movimentações devidamente finalizadas - inclusive a de Alckmin, encaminhado para se filiar ao PSB, mas também em negociações com o PV.

Presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann conversou com Lula que é necessário colocar a campanha na rua o quanto antes para frear a subida de Bolsonaro, principalmente na região Nordeste.

Pesquisa Ipespe/XP, divulgada na manhã desta sexta-feira (11), mostra Lula com 43% das intenções de voto, seguido de Jair Bolsonaro com 28%. Sergio Moro e Ciro Gomes empatam com 8%. Entre os quatro pré-candidatos, o instituto diz que o petista exibe a menor rejeição: 42%

No cenário hipotético de segundo turno, Lula venceria com 53% dos votos, 20 pontos a mais que o atual presidente. Dos entrevistados, 67% manifestaram muito ou algum interesse nas eleições.

Na consulta do instituto Paraná Pesquisas, Lula manteve a liderança tanto na consulta espontânea quanto na estimulada, mas o jogo apertou. No cenário estimulado, Bolsonaro ficou oito pontos percentuais atrás do petista. Lula marcou 38,9% e Bolsonaro 30,9%.

Essa distância já foi maior. Em fevereiro, era de 11 pontos percentuais, de acordo com o levantamento do mesmo instituto, e reforçava o favoritismo de Lula, indicando, inclusive, a possibilidade de vitória do petista no 1º turno. Lula teve 40,1% dos votos, seguido por Jair Bolsonaro, com 29,1%.

Leia mais:Pesquisa Ipespe/XP aponta Lula com 43%, Bolsonaro 28%, Moro e Ciro 8%
Lula ainda lidera intenções de voto em nova pesquisa, mas diferença para Bolsonaro cai

Na próxima semana, Lula vai a Curitiba para participar do evento de filiação do ex-senador Roberto Requião ao PT. Há expectativa de que Lula também venha à Bahia, para convenção que vai oficializar a base da candidatura de Jerônimo Rodrigues (PT), candidato petista para o governo da Bahia.

Na agenda Lula também tem uma viagem ao Rio de Janeiro no dia 30 de março para Congresso do PCdoB, partido que se unirá ao PT e ao PV em uma federação pró-Lula.

 Acompanhe o BNews também nas redes sociais, através do Instagram, do Facebook e do Twitter

Classificação Indicativa: Livre