Esporte

Jorginho tenta justificar rodízio e lamenta noite infeliz

Imagem Jorginho tenta justificar rodízio e lamenta noite infeliz

"Eu entendo que é assim que vamos conseguir, até encontrar o time ideal"

Publicado em 01/02/2013, às 07h12        Redação Galáticos Online

Para grande parte da torcida, o maior culpado pelo início irregular do Bahia em 2013 é o técnico Jorginho. Segundo os torcedores, o rodízio de atletas utilizado pelo comandante vem atrapalhando a equipe.

Porém, ao final da derrota para o Ceará, o treinador tentou justificar a opção por alternar os jogadores por partida. "O ritmo de jogo é você jogar. O ideal seria de domingo em domingo. Quarta e domingo é complicado, aumenta o risco de lesões e estamos preocupados com isso. Eu entendo que é assim que vamos conseguir, até encontrar o time ideal".

Ainda sobre as críticas, desta vez pela ausência de Hélder, Jorginho afirmou que o volante não representa todo o Bahia. "No primeiro jogo ele tava, empatamos e ninguém perguntou nada sobre ele. Agora que perdemos vão falar que foi porque ele não estava? O Hélder não é a espinha dorsal do nosso time. Temos que falar é dos que estiveram em campo".

Por fim, o técnico lamentou a noite infeliz do Tricolor. "Foi um jogo erros de muito passe. A coisa básica do futebol, que faz você jogar bem, é o passe, quando você inicia a jogada. Hoje não conseguimos iniciar bem. Erramos demais, praticamente todos foram muito mal. Do meio para trás é que estamos muito bem". 

Classificação Indicativa: Livre