Famosos

Após visita na Ilha do Retiro, Gil do Vigor sofre ataque homofóbico de conselheiro do Sport

[Após visita na Ilha do Retiro, Gil do Vigor sofre ataque homofóbico de conselheiro do Sport]
14 de Maio de 2021 às 19:14 Por: Anderson Stevens / Sport Club do Recife Por: Redação Galáticos Online

O conselheiro do Sport, Flávio Koury, teve áudios de conteúdo homofóbico vazados após a visita do ex-BBB, Gil do Vigor, na Ilha do Retiro. 

Em grupo fora do ambiente oficial do Sport, Koury criticou a dança feita pelo ex-BBB no estádio rubro-negro.

"Se ele tivesse feito essa dancinha na casa dele ou no bordel, ou onde ele quisesse, eu não estava nem aí. Mas foi dentro da Ilha do Retiro, né rapaz. Isso é uma desmoralização. Isso é ausência de vergonha na cara. É isso que a gente está vivendo. Esses tempos novos, é isso. Não tem mais respeito. Filho não respeita pai, pai não respeita filho, não respeita irmão. Não tem amigo. É a depravação", disse o conselheiro.

Pelas redes sociais, Gil do Vigor lamentou as falas preconceituosas do conselheiro. 

"Primeiro ataque homofóbico que me deparo após o BBB e posso garantir, ainda machuca MUITO! Mas sigo firme e providências serão tomadas. Tirando o dia off para não perder minha alegria por tudo que venho vivendo...... É muita dor!", disse o Ex-BBB. 

Em nota oficial, o vice-presidente do Sport, Carlos Frederico, criticou a postura do conselheiro e manifestou apoio para Gil do Vigor.

"O Sport Club do Recife é de todos. A falta de empatia e o preconceito estão levando nosso país ao caos. Estamos lascados! Gil do Vigor é e será sempre um legítimo representante das cores do Sport. Um clube plural, do povo. A maior torcida do Norte/Nordeste. Não segregamos quem ama o Sport. Amamos quem ama o Sport. O amor que une nossa torcida ao clube é incondicional. Obrigado Gil, por levar o nome do Sport pra todo o mundo. Pelo Sport Tudo", afirmou.

Flávio Koury se defendeu das acusações em áudio enviado ao GE: "O que eu disse é que eu não gosto é de putaria e não gosto mesmo não. Vocês tratem de não querer botar palavra na minha boca. Não admito isso". 

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar