Esporte

Jadson se despede do Vitória nas redes sociais: "Tão rápido e intenso, tão verdadeiro e recíproco"

Pietro Carpi/ Vitória

O camisa 10 deixa à Toca após passar por um imbróglio no processo de rescisão de contrato.

Publicado em 12/05/2022, às 13h19    Pietro Carpi/ Vitória    Galáticos Online

Uma semana após o Vitória confirmar o desligamento do meia Jadson, de 38 anos, o atleta usou suas redes sociais para se despedir do clube. O camisa 10 deixa à Toca após passar por um imbróglio no processo de rescisão de contrato.

Na publicação, o atleta que vestiu a camisa do Leão pouco mais de quatro meses, agradeceu ao clube, torcedores e afirmou que vai seguir na torcida.

"Gratidão torcida rubro-negra, que me abraçou e esteve comigo desde a minha chegada. Gratidão aos funcionários e amigos que fiz aqui. Seguirei na torcida pelo clube e por toda sua história. Gratidão por me permitirem fazer parte de um pequeno pedaço dela", diz trecho da mensagem.

Segundo o Vitória, a rescisão foi em comum acordo e Jadson vai receber apenas valores referentes aos encargos trabalhistas, como FGTS e férias. Portanto, ele não vai receber multa, como prevê a legislação em caso a rescisão unilateral.

Leia mais:

Missão quase impossível: em desvantagem, Vitória recebe o Fortaleza para tentar seguir na Copa do BR

Justiça revoga decisão que poderia obrigar CBF a pagar multa por contrato de publicidade

Juazeirense perde mais uma vez para o Palmeiras e não avança na Copa do Brasil

Com a camisa do Vitória, Jadson, que tinha contrato até outubro deste ano, disputou 12 partidas, com dois gols marcados e uma assistência.

Veja texto de despedida publicado por Jadson:

O que dizer em um momento como esse? Tão rápido e intenso, tão verdadeiro e recíproco. Obrigado, Esporte Clube Vitória!

Agradeço imensamente à todos pelo que vivi aqui, mais um capítulo da minha vida foi escrito com total dedicação e entrega. Assim sou eu, em tudo que faço. O Jadson pai, o Jadson esposo, o Jadson filho, o Jadson amigo, o Jadson profissional, darei sempre o meu melhor, todos os dias, mesmo que as coisas ainda não aconteçam como tanto queríamos.

Gratidão torcida rubro-negra, que me abraçou e esteve comigo desde a minha chegada. Gratidão aos funcionários e amigos que fiz aqui.

Seguirei na torcida pelo clube e por toda sua história. Gratidão por me permitirem fazer parte de um pequeno pedaço dela.

Com todo carinho, Jadson.

Siga o BNews no Google Notícias e receba os principais destaques do dia em primeira mão.

Classificação Indicativa: Livre