Esporte

Mesmo sem torcida, duelo entre Bahia e Doce Mel dá prejuízo financeiro

Felipe Oliveira / EC Bahia

Porém, manter o estádio vazio não evitou o saldo negativo.

Publicado em 28/01/2022, às 14h16    Felipe Oliveira / EC Bahia    Redação Galáticos Online

O duelo entre Bahia e Doce Mel, na última quarta-feira (26), pelo Campeonato Baiano, foi realizado com portões fechados. O próprio Tricolor, mandante da partida, optou por não liberar o acesso dos seus torcedores, mesmo aqueles que possuem a modalidade de sócio com acesso garantido.

A justificativa do clube foi que, devido ao limite de 1500 pessoas, determinado pelo Governo do Estado, abrir o estádio para o público geraria prejuízo aos cofres tricolores.

Porém, manter o estádio vazio não evitou o saldo negativo. Segundo o boletim financeiro, divulgado pela FBF, o Bahia saiu do confronto com prejuízo financeiro. O documento aponta um saldo negativo de R$ 25.314,77 a ser pago pelo clube mandante.

O valor diz respeito a impostos, despesas operacionais, policiamento, equipe médica e ambulância entre outros.

Leia mais: 

Atacante do Corinthians é acusado de ameaçar ex-vizinha

Brasil mantém invencibilidade em jogo de arbitragem confusa contra o Equador

Ex-presidente do Bahia defende clube-empresa: ‘Não pode ficar para atrás’

Siga o BNews no Google Notícias e receba as principais notícias do dia em primeira mão

Classificação Indicativa: Livre