Geral

Prefeitura se manifesta após procuradora ser espancada por colega de trabalho; confira

Reprodução | Redes Sociais

Em nota, a Prefeitura de Registro manifestou "o mais absoluto e profundo repudio aos brutais atos de violência"

Publicado em 21/06/2022, às 21h46    Reprodução | Redes Sociais    Redação BNews

Uma procuradora-geral do município de Registro, no interior de São Paulo, foi agredida por um colega dentro da própria prefeitura, onde trabalham, e ficou com o rosto ensanguentado. A ação, que foi filmada por outra funcionária, mostra que o também procurador Demétrius Oliveira Macedo, de 34 anos, desferiu socos e chutou a colega

Em nota, a Prefeitura de Registro manifestou "o mais absoluto e profundo repudio aos brutais atos de violência realizados pelo procurador municipal contra a servidora municipal mulher que exerce a função de procuradora-geral do município".

Leia também:
Em surto psicótico, homem mata passageiros de ônibus com faca
Astro do basquete mundial é assassinado durante churrasco
Suspeito de estuprar neta de oito anos de idade é preso no interior da Bahia

"A administração municipal está tomando as providências necessárias e já determinou, de imediato, que o agressor seja suspenso, nos termos do art. 179, c/c inc. III do art. 180, ambos da Lei Complementar nº 034/2008 – Estatuto dos Servidores Públicos do Município de Registro, com prejuízo de seus vencimentos, a partir de 21 de junho".

O Executivo continuou: "reafirmamos nosso compromisso com a prevenção e enfrentamento a todas as formas de violência, principalmente aquelas que vitimizam mulheres. Os servidores da Procuradoria-Geral Municipal e da Secretaria de Negócios Jurídicos receberão todo apoio necessário, inclusive acompanhamento psicológico", finalizou.

Siga o TikTok do BNews e fique por dentro das novidade!

Classificação Indicativa: Livre