Polícia

Advogado sai em defesa de morador de rua e é agredido por policiais militares; assista 

[Advogado sai em defesa de morador de rua e é agredido por policiais militares; assista ]
22 de Julho de 2021 às 09:04 Por: Reprodução/ Twitter Por: Redação BNews

Um advogado identificado como Orcélio Ferreira Silvério Júnior  foi imobilizado e agredido por policiais do Grupamento de Intervenção Rápida Ostensiva (Giro) – braço do Batalhão de Choque da Polícia Militar de Goiás – , na tarde desta quarta-feira (21) após interceder por uma pessoa em situação de rua que já tinha sido alvo também de agressões pelos agentes.

De acordo com o site Metrópoles, tudo começou depois que os policiais agrediram o homem em situação de rua, que também é flanelinha. Informações iniciais dão conta de que ele já seria desafeto de um dos policiais e estava sendo ameaçado pelos agentes. 

Vídeos mostram que o jurista levou uma série de tapas, socos e foi arrastado pelo chão, mesmo estando algemado com as mãos para trás, após tentar interceder por um homem em situação de rua, que também foi agredido pelos agentes.

Nas imagens é possível ver que o advogado foi segurado pelos demais policiais, no chão, enquanto um deles desferia os golpes. Populares gritaram e tentaram impedir as agressões contra os homens, no entanto, sem sucesso. O pai do advogado, que aparece de camiseta branca no vídeo, se desespera com a situação.

Em nota, a PM-GO informou ter afastado o policial militar das atividades operacionais e instaurado procedimento administrativo disciplinar para apurar os fatos, assim que tomou conhecimento das imagens publicadas.  

Por meio de nota, a Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Goiás (OAB-GO) repudiou o fato. “A truculência e o despreparo demonstrados pelos policiais nos vídeos chocam, basicamente, pelo abuso nítido na conduta dos policiais, que agiram de forma desmedida, empregando força além da necessária para o caso, em total descompasso com as garantias constitucionais, legais, e até mesmo contra as disposições contidas no Procedimento Operacional Padrão (PO) da Polícia Militar de Goiás (PMGO).”

Assista:
 

 
 

 

Classificação Indicativa: 14


Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar