Polícia

Bahia registra 75 furtos e nenhum homicídio nos circuitos juninos, diz Polícia Civil

Divulgação/Polícia Civil

A Polícia Civil disse ainda que não foram registrados lesão corporal seguida de morte e latrocínio

Publicado em 25/06/2022, às 11h01    Divulgação/Polícia Civil    Redação BNews

Cinco pessoas foram presas em flagrante nos festejos de São João em toda a Bahia entre sexta-feira (24) e este sábado (35). De acordo com a Polícia Civil, três armas de fogo foram apreendidas nos circuitos dos eventos. Além disso, não foram registrados homicídio, lesão corporal seguida de morte e latrocínio nos eventos ligados às festas juninas no estado.

Em contrapartida, ainda de acordo com a Civil, foram denunciados 75 furtos, instaurados cinco inquéritos policiais e lavrados 19 Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCO).

No município de Itabuna, no sul do estado, por exemplo, uma mulher foi presa em flagrante com 16 papelotes de cocaína. Ela já era investigada pelos policiais da 6ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin) por participar de diversos crimes, dentre eles uma tentativa de homicídio.

O órgão diz ainda que 1,5 mil policiais entre delegados, escrivães, investigadores e servidores administrativos do Departamento de Polícia do Interior (Depin) e do Departamento de Polícia Metropolitana (Depom) atuam em Delegacias Especiais de Área (DEA), instaladas nos circuitos dos eventos e em unidades territoriais nas cidades onde ocorrem os festejos juninos.

Leia também:

f
300 policiais reforçaram segurança no Parque de Exposições (Foto: Divulgação/PM-BA)

Parque de Exposição

A Polícia Militar informou que cerca de 300 policiais estiveram no Parque de Exposições de Salvador na sexta (24), onde 53 mil pessoas aproveitaram o segundo dia do evento que contou com a presença de grandes nomes da música.

A PM informou também que conta com patrulhas de militares nas áreas interna e externa do Parque e que tem intensificado o policiamento com rondas nas avenidas Luís Viana Filho e Dorival Caymmi, estações de metrô e na Estação Mussurunga.

“O suporte e a ampliação de ferramentas de reconhecimento facial da SSP, com câmeras instaladas dentro e fora do evento vem a somar à atuação técnica e profissional de nossos policiais, com vistas a proporcionar ao público que permanece em Salvador um São João de paz e tranquilidade”, conta o tenente coronel Lucas Palma, subcomandante do Comando de Policiamento Regional da Capital/Atlântico (CPRC/A) e coordenador da atuação da PM.

Siga o Tiktok do BNews e fique por dentro das novidades.

Classificação Indicativa: Livre