Polícia

Liderança do tráfico, 'Don Juan' é morto durante confronto em Abrantes

Divulgação
Comparsa do líder do tráfico foi capturado por policiais  |   Bnews - Divulgação Divulgação

Publicado em 16/06/2024, às 20h29 - Atualizado às 22h00   Cadastrado por Sanny Santana



Dois homens apontados como integrantes de um grupo criminoso foram localizados por policiais civis, na tarde deste domingo (16), em Vila de Abrantes, em Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador. A ação foi realizada por investigadores do DEPOM (Departamento de Polícia Metropolitana) e do CORE (Coordenação de Operações e Recursos Especiais).

Um dos localizados foi identificado como 'Don Juan', que gerenciava o tráfico de drogas na região de Camaçari, principalmente, em Vila de Abrantes, trabalhando para Cássio dos Santos Oliveira, vulgo “Cassinho”, que está preso e é investigado por mais de 50 homicídios.

Conforme informações obtidas pelo BNews, o suspeito reagiu a intervenção policial, iniciando uma troca de tiros. Ele acabou baleado e não resistiu aos ferimentos. Junto a ele, estava seu comparsa, que não teve identidade revelada e também morreu. Os dois chegaram a ser socorridos para uma unidade de saúde.

Com a dupla, a polícia encontrou e apreendeu duas pistolas, uma delas uma Glock com carregador alongado e seletor de rajada.

Ainda de acordo com a polícia, “Don Juan” possui cerca de 22 acusações de homicídio, sendo também conhecido como o principal executor dos homicídios encomendados pelo líder do tráfico, “Cassinho”.

Operação do DEPOM
Policiais do DEPOM recentemente realizaram uma operação na Bahia, mais precisamente na cidade de São Francisco do Conde. A ação aconteceu na última quinta-feira (13). Na ocasião, três pessoas suspeitas de envolvimento com o tráfico de drogas e homicídios na Região Metropolitana de Salvador foram presas.

A ação, um desdobramento de investigações, foi deflagrada pelo Departamento de Polícia Metropolitana (Depom) e pela 21ª Delegacia Territorial (DT/São Francisco do Conde), com o apoio da Coordenação de Operações e Recursos Especiais (Core), na manhã desta quinta-feira (13). 

Classificação Indicativa: Livre

FacebookTwitterWhatsApp