Polícia

Réu do caso boate Kiss se desespera ao chegar a julgamento; assista

Reprodução

Além de Luciano, outras três pessoas serão julgadas pelo trágico incêndio da boate, em Santa Maria (RS), em 2013

Publicado em 01/12/2021, às 21h46    Reprodução    Redação BNews

O ex-produtor musical da banda Gurizada Fandangueira, Luciano Bonilha Leão, 44 anos, um dos réus do incêndio na boate Kiss, chorou ao chegar no Foro Central de Porto Alegre, na manhã desta quarta-feira (1º). Além de Luciano, outras três pessoas serão julgadas pelo trágico incêndio da boate, em Santa Maria (RS), em 2013.

O ex-produtor foi o responsável por comprar e ativar o artefato pirotécnico que iniciou o incêndio da boate, que deixou 242 mortos e 636 feridos em 2013. O Tribunal do Júri teve início nesta tarde, mais de oito anos após a tragédia, e deve durar cerca de 15 dias.

Assista:

Classificação Indicativa: Livre