Política

Deputados baianos se juntam à manifestação a favor de Lula em Curitiba

Petistas contaram como estava o ex-presidente antes de entrar para depor

Publicado em 10/05/2017, às 16h30    Reprodução    Juliana Nobre

Uma comitiva de deputados federais, senadores e aliados do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva o acompanham a Curitiba para depoimento ao juiz Sérgio Moro, na tarde desta quarta-feira (10). Parlamentares baianos deixaram as salas da Câmara dos Deputados e foram a capital paranaense “apoiar” o ex-presidente.

De acordo com Robinson Almeida (PT), Lula demonstrou tranquilidade antes de adentrar a sala do juiz. “Eu comentei com [Luiz] Caetano que tivemos com Lula. Lula é de outro mundo porque ele estava sereno, sóbrio, parecendo que nada o abalasse. Porque quem carrega a verdade no coração não tem nada a perder. Acredito que Lula hoje vai colocar de forma definitiva um ponto final a essas acusações”, afirmou Almeida.

Jorge Solla (PT) registrou nas redes sociais a movimentação de militantes do Partido dos Trabalhadores, além da Central Única dos Trabalhadores (CUT) e do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST). Eles estão concentrados na Praça Santo Andrade e cantam o jingle “Lula lá”, da campanha presidencial de 1989. Inclusive, os parlamentares defendem nas redes sociais a candidatura do ex-presidente. “Estamos no pelotão de frente da defesa dos trabalhadores e sabemos que é o retorno de Lula em 2018 que vai garantir o real estancamento da perda de direitos e a retomada dos diretos que foram retirados”, escreveu Solla.

Alice Portugal (PCdoB) apontou para uma perseguição política contra o petista. “Estamos aqui num ato de desagravo pq não há prova concreta. Vamos assistir um julgamento político. Não foi dado o direito ao advogado de Lula a gravar o depoimento. Um aparto policial foi montado e as diferenças de qualquer outro depoimento está presente aqui”, defendeu.

Já os manifestantes concentrados na praça levantam bandeiras e cartazes contra o presidente Michel Temer.

Em outro ponto da cidade, em frente ao Museu Oscar Niemeyer está a manifestação a favor do juiz Sérgio Moro , com o boneco “Pixuleco” inflado.

Lula depõe desde às 14h no prédio da Justiça Federal. O depoimento não pode ser gravado pela defesa do ex-presidente.

Classificação Indicativa: Livre