Política

Crise no Esporte: Ministério diz que dará proteção para delator

PM disse que esteve com deputados e senadores

Publicado em 19/10/2011, às 07h54        Redação Bocão News

O Ministério da Justiça informou que dará proteção policial ao delator João Dias Ferreira apenas depois de ele solicitar pessoalmente sua segurança.

Segundo a Folha, o pedido de proteção foi feito pelo PSDB, por meio de um ofício. Ferreira fez mais ameaças e disse ter provas sobre o envolvimento do ministro Orlando Silva (Esporte) em irregularidades na pasta.

O Ministério da Justiça também entrou em contato com o comando da Polícia Militar do Distrito Federal para que o policial militar vá até a Policial Federal para prestar depoimento e receber a segurança.

Segundo o Ministério, até o momento, Ferreira não pediu proteção.

Ferreira, que participou de reunião com lideranças da oposição no Congresso, afirmou que em breve novos documentos serão mostrados para comprovar os desvios. Segundo ele, há "mais de 300 caixas pretas" que comprovariam as irregularidades.

O encontro aconteceu no mesmo momento em que Orlando Silva prestava depoimento à Câmara.

Ferreira alegou que apesar das tentativas de Silva de dar explicações rápidas às acusações, o assunto não deve se esgotar logo.

O policial militar disse que esteve com deputados e senadores para pedir proteção, já que está sofrendo ameaças de morte.

Classificação Indicativa: Livre