Política

Fabíola Mansur nega 'revanchismo político' no Conselho de Ética após fala de Capitão Alden

[Fabíola Mansur nega 'revanchismo político' no Conselho de Ética após fala de Capitão Alden]
07 de Julho de 2021 às 13:48 Por: Vagner Souza/BNews Por: João Brandão e Léo Sousa

A deputada estadual Fabíola Mansur (PSB) rebateu a fala feita por Capitão Alden (PSL) sobre o Conselho de Ética da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) atuar com "revanchismo" no processo que pode levar à cassação do seu mandato.

"Fique garantido que revanchismo político, não há", declarou a parlamentar na sessão que acontece nesta quarta-feira (7), quando Alden é ouvido pela primeira vez pelo colegiado. O deputado já havia apresentado sua defesa formal ao Conselho de Ética.

Capitão Alden é alvo de processo por quebra de decoro parlamentar por ter acusado os colegas da bancada de oposição, sem apresentar provas, de receberem R$ 1,6 milhão da Prefeitura de Salvador, comandada por Bruno Reis (DEM).

Em sua fala, Mansur afirmou que o parlamentar do PSL fez "ofensas genéricas" que ferem o zelo que os deputados devem ter sobre sua atuação. "Se estou na política hoje, estou me sentindo extremamente ofendida", disse.

Leia também:

Deputados estaduais se preparam para depoimento de Alden no Conselho de Ética nesta quarta

Alden chega acompanhado de advogado e assessores para prestar depoimento no Conselho de Ética

No Conselho de Ética, Samuel Junior diz que se sentiu ofendido com fala de advogado de Alden

Presidente do Conselho de Ética da AL-BA e advogado de Alden discutem por divergências em direito a fala

Classificação Indicativa: Livre


Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar