Política

Fábio Vilas-Boas aguarda decisão do Senado sobre coligações para definir a qual partido vai se filiar

Divulgação

Publicado em 14/09/2021, às 21h25    Divulgação    Pedro Vilas Boas

Ex-secretário da Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas aguarda a decisão do Senado sobre a volta ou não das coligações nas eleições proporcionais para definir a qual partido vai se filiar. O cardiologista é pré-candidato a deputado federal.

Especula-se que o Senado rejeite o trecho da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que prevê a volta das coligações para deputados estaduais, federais e senadores. Os congressistas têm até 1º de outubro para que a decisão sobre o tema seja válida já nas eleições de 2022.

O BNews também apurou que, além de PP e MDB, Vilas-Boas conversa sobre filiação com PSD, PL e Avante. No caso dos emedebistas, o ex-secretário só se juntaria a eles se a sigla decidisse migrar para a base do governador Rui Costa (PT) ou adotar uma postura neutra na disputa pelo governo do Estado no próximo ano.

Pré-campanha

Fábio Vilas-Boas deu início à pré-campanha na semana passada, quando iniciou sua agenda pelo interior da Bahia. A reportagem apurou que o ex-secretário já começou a montar sua equipe para divulgar a pré-candidatura.

Em breve, uma empresa de marketing político será contratada para administrar a imagem de Vilas-Boas. Mas já foram escalados 27 coordenadores distribuídos pelo Estado para analisar o cenário político e montar a agenda de visitas e reuniões do ex-secretário com lideranças.

Matérias Relacionadas

Sesab chega à sexta semana sem secretário titular e oposição dispara: “governo da letargia”

Classificação Indicativa: Livre