Política

Racha no PV: Marcell Morais chama Ana Rita Tavares de egoísta e invejosa

Imagem Racha no PV: Marcell Morais chama Ana Rita Tavares de egoísta e invejosa

Vereadores brigam pelo projeto do Hospital Público Veterinário de Salvador

Publicado em 16/01/2013, às 20h23        Adelia Felix (Twitter: @adelia_felix)

Depois de 15 anos sem ter um representante na Câmara Municipal de Salvador, o Partido Verde (PV) elege dois candidatos: Marcell Moraes e Ana Rita Tavares que não se entendem.  O vereador Marcell Morais, eleito pelos 17 membros da Executiva Municipal do partido na noite da última terça-feira (15), como líder da bancada da legenda na Câmara Municipal, não está gostando nada de ver sua colega de partido também envolvida no projeto do Hospital Público Veterinário de Salvador. Insatisfeito com a atitude da colega, Marcell detonou Ana Rita Tavares usando os termos “egoísmo” e “inveja”.

Acreditam que tem uma Vereadora que está altamente incomodada que apresentei o nosso projeto do HOSPITAL PÚBLICO VETERINÁRIO ao prefeito? falando horrores e desmerecendo o mesmo! A mesma ainda se diz "Protetora de animais"! Lastimável essa Vaidade, inveja e Egoismo. Quem AMA realmente os animais deveria ficar FELIZ e querer aumentar a causa, com mais Parlamentares atuando, mas quem quer se promover, se inibe em ver alguém defendendo os animais com tanta dedicação! Em apenas 13 dias como Vereador já tenho 38 projetos elaborados. Quero e vou honrar cada voto recebido com muito trabalho na defesa dos Animais, Meio Ambiente, defesa do consumidor e as pessoas mais carentes dessa cidade” (sic), postou o vereador em seu perfil no Facebook no último domingo (20).

“O Hospital Veterinário é uma aspiração antiga do movimento humanitário. O projeto existe há muito anos, esse pleito é antigo. Mas eu vou ter inveja de que? Eu não tenho razão para invejar ninguém. Fui eleita com mais de dez mil votos e teve pessoas que nem souberam da minha candidatura, eu não derramei placas na cidade. Não sou vaidosa, nem egoísta, o que eu quero é que as pessoas que se engajem na causa tenham conhecimento”, disse.



Sobre a eleição de Marcell para liderança do PV na Câmara, Ana Rita disse que não soube como foi realizada mas que vai se sujeitar ao partido: “eu tenho mais representatividade e fui a mais votada. Não participei e desconheço o critério que tenha sido usado, mas como representante do PV, vou respeitar a decisão do partido e continuar com meu trabalho”.

Matéria originalmente publicada às 14h46 do dia 16/01.



Classificação Indicativa: Livre