Política

Ex-presidente da Ebal tem contas de 2004 rejeitadas

Omar Brito foi alvo de uma CPI na Assembleia. Saiba mais

Publicado em 13/03/2013, às 12h28        Redação Bocão News (Twitter: @bocaonews)

Omar Brito, ex-presidente da Ebal, teve as contas de 2004 rejeitadas pelo Tribunal de Contas do Estado. Ele foi alvo de uma CPI na Assembleia e acabou saindo bem “chamuscado” após o acontecido.

Segundo informações de um colunista local, nos meios contábeis o comentário é que a rejeição, de contas de nove anos atrás, tem tudo para dar em nada. O TCE terá de explicar o motivo de tanta conta mofada por lá.

*As informações são do jornal A Tarde


Nota originalmente publicada às 07h20 do dia 13/03

Classificação Indicativa: Livre