Justiça

Caso Henry: Advogado diz que Jairinho está deprimido com vida na prisão

[Caso Henry: Advogado diz que Jairinho está deprimido com vida na prisão]
21 de Julho de 2021 às 13:36 Por: Tânia Rêgo/Agência Brasil Por: Redação BNews

O ex-vereador Dr. Jairinho, acusado de matar o menino Henry Borel, de 4 anos, tem usado medicamentos controlados com doses prescritas por um psiquiatra do sistema penal do Rio de Janeiro, para suportar sua rotina na penitenciária Pedrolino Werling de Oliveira - Bangu 8

O político está preso no local desde o último dia 8 de abril.

As informações são do site Metrópoles. Segundo a publicação, em depoimento na 16ª DP (Barra da Tijuca), antes de ser acusado e preso pela morte do menino Henry Borel, Jairinho já havia mencionado o uso de remédios de tarja preta para dormir.

“Ele está deprimido, profundamente triste por causa de injustiças e inverdades relacionadas ao processo. A mídia o apresenta como perigoso, e não é nada disso”, conta o advogado Braz Santana, que representa Jairinho.

Classificação Indicativa: Livre


Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Compartilhar