Salvador

Prefeitura de Salvador inicia plantio de mudas de coqueiros na capital baiana

Joilson Cesár / BNews
Ao todo, serão plantadas duas mil mudas no local  |   Bnews - Divulgação Joilson Cesár / BNews

Publicado em 17/06/2024, às 09h47   Dandara Amorim e Daniel Serrano



A Prefeitura de Salvador, através da Secretaria de Sustentabilidade, Resiliência, Bem-estar e Proteção Animal (Secis), dá início nesta segunda-feira (17) o plantio das novas mudas de coqueiro na orla do Jardim de Alah. Ao todo, está previsto o plantio de duas mil mudas no local.

Inscreva-se no canal do BNews no WhatsApp

De acordo com o titular da Secis, Ivan Euller, o objetivo do plantio multiplicar esta espécie, potencializando a sustentabilidade da nossa capital e repor os coqueiros que venham a morrer.

“O Jardim de Alah tem um coqueiral histórico, turístico. Salvador tem esse coqueiral e do Cristo [da Barra]. São dois coqueirais conhecidos e que estão se perdendo. Os coqueiros são espécies vivas que tem o seu tempo de vida e estão morrendo. A ideia é a gente repor esse coqueiral tanto do Jardim de Alah e do Cristo”, disse Euller ao BNews.

Ainda segundo o secretário, as mudas que serão plantadas na orla de Salvador são adaptadas ao clima da capital baiana.  Os coqueirais também vão contar com um sistema próprio de irrigação por aspersão, e um cercamento de eucalipto com tela revestida de pvc, semelhante a alambrado para se evitar atos de vandalismo contra os coqueiros plantados.

“A proteção para que ela [a muda do coqueiro] cresça e depois de já grande, [daqui há] dois, três anos a gente tira a cerca e deixa algumas espécies aqui e outras a gente replanta em outros locais da cidade”, afirmou.

O viveiro que está sendo plantado no Jardim de Alah é o segundo de Salvador, o primeiro focado exclusivamente em coqueiros. O outro está localizado na Praia do Flamengo e é dedicado a conservar a vegetação da estinga, nativa do local, e são geralmente encontradas na beira da praia, a exemplo de cactos, bromélias, sumarés, salsão-da-praia e samambaias, dentre outras.

Classificação Indicativa: Livre

FacebookTwitterWhatsApp