Cidades

Ministério Público investiga contratação de Gusttavo Lima por R$800 mil em cidade de oito mil habitantes

Reprodução/Instagram/Gusttavo Lima

Contratação do cantor pela prefeitura da cidade repercutiu nas redes sociais

Publicado em 25/05/2022, às 13h42    Reprodução/Instagram/Gusttavo Lima    Redação Bnews

O Ministério Público de Roraima (MPRR) vai investigar a contratação, por cerca de R$800 mil, do cantor Gusttavo Lima pela prefeitura de São Luiz. A cidade tem uma população estimada em cerca de oito mil habitantes, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), sendo considerado o menor município do Estado.

Leia também:

Conselho Tutelar recebe denúncias de abandono de incapaz e pai pode ficar sem filho que foi jogado do 4º andar

Jovem é preso suspeito de agredir a mãe idosa e roubar o carro dela

Cerca de 40 ônibus ficam sem circular em Teresina por irregularidades trabalhistas

São Luiz tem um PIB de R$ 147,6 milhões, o segundo mais baixo do estado, ficando atrás apenas de Uiramutã. Dividindo o valor do cachê do artista por cada pessoa que mora na cidade, o valor do ingresso custaria cerca de R$100 para cada, incluindo adultos e crias. 

Em nota enviada ao g1, o prefeito da cidade, James Batista (Solidariedade), disse não brincar com dinheiro público e que “o evento trará receitas diretas para as contas do município que permitirão o pagamento de todas as despesas

Gusttavo Lima, chamado nacionalmente de “Embaixador”, tem um dos cachês mais altos do Brasil, chegando a até R$ 1,2 milhão por show.

Siga o BNews no Google Notícias e receba os principais destaques do dia em primeira mão!

Classificação Indicativa: Livre