Cidades

Sem banho, comida vencida e agressões: Ex-interno de centro de recuperação conta momentos de terror no local

Divulgação/MP-BA
Centro de recuperação foi fechado após investigação do MP-BA  |   Bnews - Divulgação Divulgação/MP-BA

Publicado em 07/06/2024, às 13h23   Cadastrado por Sanny Santana



O Centro de Recuperação Projeto de Instituição Evangelizar, conhecido como Centro de Recuperação IDE, no distrito de Humildes, em Feira de Santana, foi alvo de uma ação policial que resultou na prisão de quatro pessoas na última quarta-feira (5). Agora, um ex-interno do local contou os momentos de terror pelos quais passou dentro do local.

Inscreva-se no canal do BNews no WhatsApp

Em entrevista ao g1, o homem, que preferiu não se identificar, relatou que já chegou a ficar dez dias sem tomar banho e cinco sem se alimentar no local, quando se alimentava, a comida estava vencida. Ele ainda disse ter sofrido agressões físicas por não querer participar de cultos.

Interditado pelo Ministério Público da Bahia (MP-BA) na terça-feira (4), o centro entrou na mira de autoridades após suspeita de manterem 20 idosos e enfermos em cárcere privado

Investigações do MP-BA identificaram diversas irregularidades, como falta de estrutura nos dormitórios e refeitório; quatro toneladas de alimentos estragados ou vencidos há pelo menos dois dias; câmara fria com centenas de carnes podres; internos colocados em pocilga, curral que se cria porcos, por se recusarem a participar de cultos ou por se "rebelarem".

Classificação Indicativa: Livre

FacebookTwitterWhatsApp