Coronavírus

Sesab informa que falha em sistema do Ministério da Saúde impede atualização de dados da Covid na Bahia

Divulgação

O já tradicional boletim epidemiológico diário, com os números da pandemia, não foi divulgado - como costuma acontecer diariamente, no final das tardes. Segundo a Sesab, assim que o acesso ao e-SUS Notifica for restaurado, a base de dados será disponibilizada

Publicado em 11/09/2021, às 19h21    Divulgação    Redação BNews

A Secretaria Estadual de Saúde (Sesab) publicou um comunicado, em seu site oficial no final da tarde deste sábado (11), informando que uma instabilidade na plataforma e-SUS Notifica, do Ministério da Saúde, que realiza o registro dos casos ambulatoriais da Covid-19 no Brasil, impossibilitou que a Bahia tivesse acesso aos dados das últimas 24 horas. 

Por isso, o já tradicional boletim epidemiológico diário, com os números da pandemia, não foi divulgado - como costuma acontecer diariamente, no final das tardes - até o instante de publicação desta nota.

Segundo a pasta, a falha no e-SUS Notifica é recorrente desde o lançamento da nova versão da plataforma do último dia 8 de setembro de 2021. "Até às 16 horas deste sábado, oito tentativas para a extração de dados foram realizadas sem que houvesse sucesso na operação", narra a Sesab.

Também segundo a secretaria, suas equipes de tecnologia e da Companhia de Processamento de Dados do Estado da Bahia (Prodeb), bem como da Diretoria de Vigilância Epidemiológica do Estado (Divep), contactaram o Ministério da Saúde sobre as dificuldades, mas não houve restabelecimento da conexão até o momento.

A pasta informa que assim que o acesso ao sistema ministerial for restaurado, disponibilizará para acesso público, a base de dados completa dos casos suspeitos, descartados, confirmados e óbitos relacionados à Covid-19. 

A Sesab lamentou ainda o fato que, desde o lançamento da nova versão do e-SUS Notifica, o Ministério da Saúde não tem disponibilizado a massa de dados completa no ambiente de homologação - o que impede, segundo a pasta, a "análise adequada dos dados".

"A Bahia é pioneira na integração de três bases ministeriais desde o início da pandemia da Covid-19. Os dados dos sistemas e-SUS Notifica, SivepGripe e o GAL/Lacen são extraídos de modo automatizado e uma série de algoritmos desenvolvidos pela equipe de tecnologia retiram duplicidades a fim de ter uma base íntegra e fidedigna", explica a pasta.

Notícias Relacionadas 

Vacinação contra Covid -19 é suspensa em Salvador neste domingo

Dose de reforço para todos requer mais dados, diz infectologista

Anvisa ignora documento de autoridades chinesas e mantém suspensão de 12 mi de doses da Coronavac

Classificação Indicativa: Livre