Coronavírus

Rui Costa critica decisão de desobrigar máscaras em Porto Seguro

Dinaldo Silva/BNews

Publicado em 03/11/2021, às 14h23    Dinaldo Silva/BNews    Victor Pinto e Pedro Vilas Boas

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), rebateu, em entrevista à imprensa nesta quarta-feira (3), a decisão da prefeitura de Porto Seguro que desobrigou o uso de máscaras na cidade em locais abertos.

“Cada gestor tem que ter responsabilidade sobre suas decisões. Há mais de 45 dias que não cai o número de contaminados. […] Cada um tem que olhar e assumir suas responsabilidades sobre as circunstâncias que podem acontecer”, disse, após ser questionado pelo apresentador José Eduardo, da Record TV Itapoan.

A flexibilização em Porto Seguro começou a valer na terça-feira (2), feriado do Dia de Finados, assinada pelo prefeito Jânio Natal (PL).

Leia também: Traficante ordena, de dentro do presídio da Mata Escura, ataques em Águas Claras

Com pensão atrasada, goleiro Bruno compra carro de R$ 80 mil; confira

A prefeitura da cidade protagoniza, desde a eleição de Natal no ano passado, polêmicas relacionadas à pandemia do novo coronavírus. Quando eleito, o político defendeu a distribuição do chamado “kit covid”, que contém medicamentos ineficazes contra a covid-19.

O prefeito chegou a nomear a médica Raissa Soares, conhecida como “Doutora Cloroquina”, para a Secretaria da Saúde. Mas, foi exonerada ontem após ser alvo do Ministério Público.

Matérias relacionadas

Rui reafirma que vai exigir comprovação de vacina para servidores: "todos terão que apresentar o comprovante"

Rui pede cautela e paciência ao falar sobre realização do réveillon e carnaval: "Não vou me arriscar e antecipar"

Classificação Indicativa: Livre