Coronavírus

Especialista prevê adaptação rápida de vacinas para combater a Ômicron

Divulgação

Ele também aponta a possibilidade de existência de uma revalidação anual do imunizante

Publicado em 03/12/2021, às 13h46    Divulgação    Redação BNews

Em uma conferência realizada nesta sexta-feira (03), o CEO da empresa alemã BioNTech revelou que eles serão capazes de adaptar sua vacina contra o coronavírus de forma relativamente rápida por conta da variante Ômicron.

"Acho que precisaremos de uma nova vacina contra a Covid-19, é uma questão de quando precisaremos dela", disse Ugur Sahin. 

Leia mais: 

A BioNTech e a Pfizer juntas produziram uma das primeiras vacinas contra a Covid-19 e Sahin também disse que os imunizantes deveriam continuar a fornecer proteção contra doenças graves, apesar das mutações e que provavelmente todas as pessoas precisem de uma vacinacão anual contra a Covid-19. 

"Esta variante pode infectar pessoas vacinadas. Estamos confiantes de que as pessoas vacinadas e com a dose de reforço terão proteção suficiente contra a doença grave causada por qualquer tipo. Saberemos em algumas semanas", pontuou.

Leia também: 

Classificação Indicativa: Livre