Eleições / Eleições 2022

Bruno Reis faz voto de silêncio sobre retirada de candidatura de João Leão; entenda

Foto: Paulo M. Azevedo/BNews

João Leão vai renunciar pré-candidatura ao Senado e seu filho, Cacá Leão, assume o posto

Publicado em 03/05/2022, às 09h43 - Atualizado às 09h45    Foto: Paulo M. Azevedo/BNews    Victor Pinto e Vinícius Dias

Prefeito de Salvador, Bruno Reis (União Brasil) preferiu fazer um voto de silêncio sobre a retirada de candidatura por parte do vice-governador João Leão (PP), noticiada pelo BNews ainda na noite de segunda-feira (2). Bruno Reis preferiu aguardar a oficialização das medidas, que acontece ainda nesta terça-feira (3), quando o União Brasil e o PP baiano estarão juntos para uma entrevista coletiva

"Vai haver à tarde uma coletiva onde tanto o vice-governador João Leão como o nosso pré-candidato a governador ACM Neto vão se pronunciar e anunciar a decisão a esse respeito. Vamos aguardar as palavras deles para depois poder se manifestar", disse Bruno Reis durante evento de entrega cerca de 200 casas reformadas no bairro de São Caetano, pelo programa Morar Melhor.

Leia também:

A decisão de Leão em deixar a candidatura foi motivada por fatores como a própria saúde do governador, que tem 76 anos, e a chave de renovação etária da chapa de ACM Neto (União) ao governo do Estado.

Bruno comentou sobre o ritmo da campanha e o quanto é difícil conseguir se manter ativo durante esse período.

"O ritmo de campanha [é pesado], fazer uma caminhada 11h da manhã debaixo de sol quente no sertão em Sento Sé, depois uma carreata 13h em Remanso, também debaixo de sol quente. Uma maratona de 6 cidades em 2 dias tem que ter pouca idade e estar em forma. Vocês viram no domingo o quanto eu estava cansado, até um lapso cometi nos cumprimentos. Mas vamos aguardar o pronunciamento de nosso vice-governador e pré-candidato", completou Bruno Reis.

Siga o BNews no Google Notícias e receba os principais destaques do dia em primeira mão.

Classificação Indicativa: Livre