Entretenimento

Whindersson Nunes ironiza ordem de despejo da Justiça e faz desabafo; veja o que ele disse

Reprodução / Twitter

O humorista recebeu ordem de despejo após não quitar aluguéis de salas comerciais em São Paulo

Publicado em 21/07/2022, às 10h21    Reprodução / Twitter    Redação

Após ser alvo de uma ação de despejo da Justiça, Whindersson Nunes decidiu falar sobre o processo em que é réu, envolvendo atraso de aluguéis de salas comerciais, em São Paulo. Através do seu perfil oficial do Twitter, o humorista ironizou a ordem judicial e disse não ter conhecimento da dívida.

"Mês passado eu paguei 8 mil reais em pedras pra jardim, detalhe, eu não tenho jardim, hoje eu fui despejado de um lugar que eu nunca pus os pés dentro, 16 mil reais de ifood e eu NEM TENHO ESSE APP, eu como a mesma comida todos os dias nos mesmo horários", postou o artista que não escondeu a chateação em seu último show.

Com prejuízo financeiro declarado, apesar de negado propostas milionárias, o comediante aproveitou para reclamar dos pedidos de ajuda que recebe diariamente. "É frustrante demais o dia a dia, trabalhar pela felicidade dos outros é a sina do palhaço. "Metade de todo meu custo mensal são os 'pra você não custa nada'. Todo áudio que eu escuto no WhatsApp, dependendo do tempo do áudio, vai me custar entre R$ 1.500 e R$ 3.000", desabafou.

Siga o TikTok do BNews e fique por dentro das novidades.

Classificação Indicativa: Livre