Geral

Vídeo: Morador de rua baiano é tietado nas ruas e dispara: 'Cara, ela é maravilhosa'

Montagem BNews

O morador de rua virou uma espécie de celebridade. Ela estaria sendo disputado por partidos

Publicado em 25/03/2022, às 09h24    Montagem BNews    Redação BNews

Givaldo Alves, de 48 anos, o baiano morador de rua que foi espancado por um personal trainer após ser flagrado mantendo relações sexuais com a mulher dele, agora convive com o assédio de pessoas nas ruas. O caso, que teve grande repercussão nas redes sociais, levou o homem de sem teto à celebridade. Ele inclusive estaria sendo disputado por partidos políticos para ingressar na vida pública como deputado federal. 

Um vídeo compartilhado na web mostra o baiano rodeado de pessoas com celulares em punho tentando registrar um momento ao lado dele. E o que não falta são comentários e perguntas que enaltecem a masculinidade de Givaldo. “Eu não me arrependo, cara, ela é maravilhosa demais”, responde ele, após ser questionado por uma mulher se o episódio “valeu a pena”.

Leia também:

Nesta quinta-feira (24), todos puderam conhecer a versão do morador de rua após ele conceder uma entrevista ao portal Metrópoles. A jornalistas, ele afirmou que a relação com a comerciante foi consensual e que não houve abuso, versão sustentada pelo marido da mulher, o personal trainer Eduardo Alves, de 31 anos.

De acordo com Eduardo, a sua esposa estava em um surto psicótico. Ela, por sua vez, diz que viu no baiano "a imagem de Deus". Em depoimento concedido à imprensa, o personal pediu que as pessoas parem de compartilhar "conteúdo ofensivo contra a honra da esposa". O caso segue sendo investigado pela polícia.

Siga o BNews no Google Notícias e receba as principais notícias do dia em primeira mão.

Classificação Indicativa: Livre